Otimização WAN

Já é hora de seguir para a performance definitiva e controlada.

Durante muito tempo, melhorar a performance da sua rede remota ou WAN ( wide area network ) significava incrementar a capacidade dos links que compunham esta rede, e era comum aumentar a rede sem nenhum parâmetro, no máximo eram investido algumas horas para melho- rar as aplicações, e avaliado o consumo do link como um todo. Na hora de escolher o tamanho do link, o lema era, quanto mais melhor, portanto se o link de inter conexão era de 1Mbps, o upgrade podia ser para 2Mbps, 4Mbps, 10Mbps ou até 16Mbps, e o resultado disto era devastador no budget e principalmente nos resultados obtidos, que eram sempre não lineares ao investimento.

Hoje o cenário mudou e não é aceitável a um administrador de rede, ou gestor de TI acei- tar ampliar um link sem que seja justificado e avaliado, pois todo o tráfego que passa por este link pode ser minuciosamente avaliado e trabalhado. A primeira ação antes de incrementar a largura de banda, é aplicar técnicas que memoram a performance das aplicações ou serviços que são implementadas visando um uso mais racional, selecionado e performático nos links existentes. Com isto entra em cena os otimizadores de rede e aplicações ou WanOp (WAN optimization, que teve os primeiros resultados em meados dos anos 2000) ou ainda olhando a solução WOC (WAN optimization Controller).

Com a evolução das aplicações, muitas tiveram um sensível melhora na performance quando estas se adaptaram para trabalhar num ambiente de rede distribuída, os links melhoraram de qualidade e para que a limitação dos protocolos fosse vencida, foram desenvolvidas técnicas distintas para melhorar a utilização dos links e consequentemente a performance das aplicações. Algumas destas técnicas são:

  • Algoritimos de compressão
  • Compressão de cabeçalhos em enlaces seriais
  • Deduplicação
  • Cache de dados
  • Quebra de latência
  • Otimização de seção TCPIP
  • Traffic Shapping
  • QoS

Os WOC são appliances ou soluções virtualizaras que interceptam e controlam todo o tráfego no link WAN, trabalhando de forma síncrona ou assíncrona, sendo que o investimento só é efetivamente garantido e a capacidade de gerenciamento é realmente disponibilidade se a solução for instalada de forma síncrona, ou seja, ter um equipamento em cada nó da WAN.

Hoje existe uma profusão de fabricantes e opções alternativas, sendo que os lideres pelo instituto Gartner são Riverbed e Silver Peak. Independente do fabricante da solução, ao imple- mentar uma boa solução todos os recursos poderão ser trabalhados e devem ter um bom investi- mento de tempo para que a solução seja muito bem configurada, eliminando o desnecessário, priorizando o essencial e garantindo uma boa percepção ao usuário.

Antes de escolher uma solução de WanOp, o importante é ter a visão do que você tem dos dois lados da sua WAN, pois alguns recursos são exclusivos ou muito mais performáticos em um fabricante e menos priorizado.

O importante é que implementar uma solução de Otimização Wan reflete diretamente aon- de a TI tem objetivo, nos usuários finais.

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios *